Elos – 13

Elo é um substantivo masculino que significa, entre outros sentidos, ligação, união, continuação. Com a criação do projeto “Elos – Uma História Sem Fim…”, o setor de Comunicação Social vai interagir diretamente com beneficiários e colaboradores que aqui circulam.

Mas não é só isso! O nosso setor vai em busca de ligações das pessoas com a ACADEF. De que forma nos unimos? Qual é a sua ligação com a ACADEF? Não o que você faz aqui, mas o que te marca aqui? Que marca você deixa aqui? Como você muda a vida das pessoas que por aqui passam?

Com objetivo de humanizar ainda mais a nossa instituição, assim como de proporcionar reflexões em cada pessoa que transitar por aqui, independentemente de quem for.

O dentro e fora da ACADEF estão ligados. E você? De que forma estabelece este elo?

A decima terceira Edição do Projeto Elos
É com Maria Suzana Nunes Cardoso
Assista ao vídeo no final da página.

Suzana a fundadora e gestora da ACADEF.

Maria Suzana Nunes Cardoso, 62, se tornou cadeirante aos 3 anos, após ser diagnosticada com paralisia Infantil (Poliomielite). Este fato, lhe motivou a lutar a vida inteira por direitos e conseguiu, ao lado de parcerias, construir um futuro de realizações para sua vida e para o segmento da pessoa com deficiência.

Os primeiros passos de uma grande jornada

Com muito esforço desde criança lutou para se adaptar e aprendeu a conviver com as dificuldades. Em 1976, já adulta, começou a participar do movimento FCD – Fraternidade Cristã de Doentes e Deficientes, na Igreja Matriz em Canoas. Neste grupo, participavam de encontros pessoas com deficiência que interagiam entre si, oravam e debatiam pautas sobre a sua realidade. Esta época foi importante para Nunes, pois lhe alertou para coisas que ela achava que não podia fazer e foi o ponto inicial da idealização de um destino diferente para as pessoas com deficiência.

Um sonho chamado Acadef

Em um determinado momento, Suzana decidiu que deixaria o grupo e ao marcar uma reunião com o intuito de informar a saída para os colegas, se deparou com um novo participante. A entrada de Jorge Cardoso (que havia se tornado cadeirante), no FCD foi decisiva, pois a fez permanecer e encontrar no novato muito mais que uma amizade. Os interesses de Suzana e Jorge foram compatíveis, não apenas referente a luta por direitos, e esta grande parceria resultou em um casamento, do qual nasceu um filho: A Associação Canoense de Deficientes Físicos.

Fundada em 20 de maio de 1984, a Acadef foi revolucionária e passou fazer parte no dia a dia de suas vidas, dando voz ao movimento PcD em uma época tão desestabilizada. Hoje, famílias encontram nesta associação a esperança de uma vida melhor. A cumplicidade do grupo transformou a história do município com seu empenho em prol das pessoas com deficiência e proporciona benefícios, diariamente, há 34 anos.

A vida é uma só, então aproveite-a

O diagnóstico nunca impediu Maria Suzana de fazer o que gostava. Conheceu o amor da sua vida, casou, fundou uma ONG, coordena a administração da entidade e em seus momentos de lazer aproveita a vida assistindo shows musicais, indo a teatros e viajando por países a fora. Apesar das dificuldades, trilhou uma linda jornada, sua superação ocorre dia a dia, quando entra na Acadef e se depara com tudo o que construiu ao lado de Jorge, eterno amigo e companheiro, falecido em fevereiro de 2016.

“ A vida em si é um exemplo, de não se deixar abater, de lutar sempre e de tentar melhorar não apenas a nossa vida, como a das pessoas ao nosso redor” finaliza a fundadora.

Conheça outras edições do Projeto Elos.

Compartilhe em suas redes sociais